Épico, Santa Maria Soldiers avança à semifinal da Liga Nacional e garante vaga na Superliga

Formação do Santa Maria Soldiers que terminou em TD do Busanello. Imagem Carlos Constantinov/Salão Oval/Reprodução

Histórico! O Santa Maria Soldiers escreveu mais uma página para o futebol americano gaúcho. O exército do Rio Grande do Sul bateu o Joinville Redlions por 20 a 7, no relvado do Itaum, em Joinville, e conquistou a vaga à semifinal da Liga Nacional. O resultado também garantiu a ida dos santa-marienses à Superliga Nacional na temporada 2017.

Saiba como estão os playoffs da Liga Nacional



Esta é a primeira vez que um clube do Rio Grande do Sul chega a meia-final. O mais distante havia sido do Porto Alegre Pumpkins, na temporada 2012, quando os abóboras foram até as quartas de final do Campeonato Brasileiro de Futebol Americano – o que viria a ser os moldes da atual Superliga.

A façanha começou a ser escrita no primeiro quarto, quando o kicker #31 Maurício Faé acertou um field goal de 34yd para abrir o placar. No segundo quarto, os mandantes viraram o score com o cornerback #42 José Castilho, que interceptou o quarterback #15 Douglas Rodrigues e retornou 30yd para anotar o pick six. O kicker #9 Gustavo Guyoti completou o PAT. Antes de terminar o primeiro tempo, Faé teve duas chances de descontar com tentativas de FGs. O kicker gaúcho perdeu a primeira de 41yd, mas converteu a segunda de 39yd, esta última a 17 segundos do fim. 7-6.

Após a parada do intervalo, o kick returner #22 João Antônio Siqueira cruzou o gramado para marcar o touchdown, entretanto, o jogador fez uma falta que impediu a pontuação dos Soldiers. No lance, o atleta saltou na linha de uma jarda em direção a goal line, os árbitros consideraram a ação com atitude antidesportiva. A bola foi posicionada na linha de 1yd do campo de ataque, bastou a Rodrigues executar o QB sneak e tomar a liderança. Faé mandou a bola entre os postes no extra point. A resposta poderia ter chegado no drive seguinte, o quarterback mexicano #13 Joaquín Granados carregou o time até a linha de 5yd do campo de ataque dos Redlions, porém, os comandados do head coach Dennis Prants falharam em marcar pontos e devolveram a posse novo turnover através de fumble.

Com o último período em andamento, o playmaker running back #32 Guilherme Busanello, em uma big play de 69yd, correu para conquistar o touchdown dos Soldiers. Faé manteve o 100% de aproveitamento no chute de bonificação. O elenco de Joinville em outra oportunidade chegou a redzone gaúcha e novamente terminou sem efetividade. Final 7-20.

— A arbitragem do Rio Grande do Sul veio aqui para Joinville e fez o seu papel. A equipe [de arbitragem] não teve honra — reclamou o treinador Prants.

— Enfim, recompensa de muito suor. Trabalho feito em conjunto. Eu não me importo com a arbitragem. Já perdemos jogos aqui em Joinville por causa da arbitragem, mas tivemos de relevar isso e seguir adiante — explicou o coach dos Soldiers, Gustavo Petter.

— Foi um jogo bom, mas triste por a arbitragem ter errado demais — lamentou Guyoti.

A vitória coloca o Santa Maria Soldiers na semifinal da Liga Nacional. O próximo rival será definido no confronto entre Belo Horizonte Get Eagles e Ponte Preta Gorilas. O resultado também garante a conquista simbólica da Conferência Sul aos gaúchos.

Já o Joinville Redlions voltará as suas atenções na disputa inédita do campeonato catarinense em 2017.

Assista o TD de Busanello

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment