FCFA apresenta a 12ª edição do campeonato catarinense

Presidente da FCFA, Pizetta, apresentou os moldes da temporada 2017 do campeonato catarinense. Foto Victor Francisco e Carlos Constantinov/Salão Oval

Na noite desta quarta-feira (22), em Itajaí, a Federação Catarinense de Futebol Americano (FCFA) apresentou a décima segunda edição do campeonato estadual. A temporada 2017 contará com a participação de sete equipes, divididas em dois grupos. Além da fórmula de competição, também foram exibidos os doze times filiados.

Saiba como foi a temporada 2016 do campeonato catarinense



O evento iniciou com a exposição dos conjuntos membros da FCFA. Cada diretor chamado dava um parecer sobre o que esperar no ano e um atleta era convocado ao palco para mostrar o uniforme. Foram chamados na ordem alfabética: Camboriú Broqueiros, Corupá Buffalos, Criciúma Miners, Gaspar Black Hawks, Itajaí Dockers, Itaiópolis Xoklengs, Jaraguá Breakers, Joinville Gladiators, Rio Mafra Raptors (estreante), São José Istepôs, São Miguel Indians (estreante) e Timbó Rex.

Após a exibição dos clubes, a comissão de arbitragem – representada pelo referee André Junior “Mano” Saugo – contou o que os fãs podem esperar da atuação do corpo de árbitros durante a temporada. Mais tarde, o mascote dos Hawks, Blue, junto com um grupo de dançarinas performou suas habilidades de dança e mostrou o troféu da Copa Sul conquistado pela equipe no ano passado. Infelizmente, o mascote do Rex, Dino, não pode comparecer.

A fórmula de disputa

Por fim, o presidente da FCFA, Ricardo Pizetta discursou sobre o método adotado para este ano para selecionar o chaveamento dos grupos e classificações aos playoffs. O sistema foi determinado junto com os membros que as equipes seriam divididas pela proximidade do nível técnico.

O Grupo A está formado por: Timbó Rex (atual campeão), Criciúma Miners e Gaspar Black Hawks. Enquanto que o Grupo B contém: São José Istepôs (atual vice), Jaraguá Breakers, Itajaí Dockers e Joinville Gladiators.

Cada equipe fará três jogos durante a temporada regular, com exceção do primeiro colocado do A, que fará somente duas partidas. Classificam-se os dois melhores de cada chave às semifinais. Como o A tem somente três equipes, para determinar o segundo classificado à segunda fase, o segundo e terceiro da chave farão um jogo extra.

A temporada regular inicia no dia 1º de abril, no duelo entre Hawks vs. Miners – que reedita a final da Copa Sul de 2016 – e encerra no dia 21 de maio com Breakers vs. Istepôs. A semifinal será entre os dias 3 e 4 de junho. O SC Bowl XII no dia 18 de junho.

Apesar da expectativa de uma competição com oito equipes e uma duração maior pelos fãs, Pizetta demonstrou que o certame mais rápido tem como base preparar os times para o segundo semestre, quando são disputadas as competições de nível regional e nacional.

— O campeonato catarinense será usado como uma forma de preparar os times às competições nacionais. Queremos que os nossos times façam um segundo semestre melhor — comentou.

Depois de tantos pedidos, a FCFA atendeu a exigência dos fãs e todos as partidas serão transmitidas via streaming.

— Nós iremos transmitir os jogos da Federação Catarinense através da nossa página no Facebook. Ano passado fizemos somente nas finais, hoje levaremos para todos os jogos — completou.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.