Femfa apresenta oficialmente a 1ª edição da Copa Minas

Femfa planeja mais edições da Copa Minas no futuro. Imagem Femfa/Reprodução

Na manhã desta terça-feira (28), a Federação Mineira de Futebol Americano (Femfa) apresentou oficialmente a 1ª edição da Copa Minas. A coletiva de imprensa que promoveu o torneio foi realizada nas dependências da Arena Independência, em Belo Horizonte. O evento contou com a participação do presidente da Femfa, Abraão Coelho, o diretor esportivo da Femfa, Laércio Azalim Jr., e o secretário de Estado de Esportes de Minas Gerais, em exercício, Ricardo Sapi.



Na primeira parte da coletiva, os dirigentes anunciaram de forma oficial a competição que se inicia brevemente. Foram listadas as equipes que disputarão o título, que são: Araxá Red Wolves, Betim Bulldogs, Juiz de Fora Imperadores, Sada Cruzeiro, Uberaba Zebus e Unimed Miners.

Coelho também respondeu às perguntas em relação a não realização da terceira edição do campeonato estadual.

— A gente veio trabalhando no campeonato mineiro com uma certa antecedência para que a gente conseguisse concluir todas as questões. Chegamos num momento que não se tornou tão interessante ou benéfico para todas as equipes que aquele campeonato prosseguisse naquele modelo. Logo de imediato, partimos para uma nova solução em que conseguíssemos trazer as equipes para perto. Na primeira proposta não contávamos com os Zebus e os Red Wolves, que naquele momento não puderam participar. Com o desenrolar, eles tiveram mais condições de estar conosco, já que o campeonato é mais enxuto — explicou.

O fato de uma competição mais curta tem como ideia a redução de custos e o investimento na promoção de eventos. O intuito da Femfa é buscar maior solidificação do esporte nas comunidades locais, de acordo com Coelho.

Edições futuras

A Femfa planeja seguimento para uma futura 2ª edição da Copa Minas. Segundo o diretor esportivo, Azalim Jr., a proposta é que o novo certame seja jogado durante o segundo semestre.

— Queremos que a Copa Minas seja jogada no segundo semestre e com um pouco de caráter para o desenvolvimento das equipes — contou.

Talvez tenha-se de reavaliar o calendário de acordo com outras competições nacionais, como: o Brasil Futebol Americano e a Liga Nacional, que não interfira nas equipes mineiras, como sugeriu Coelho.

Outros pontos abordados foram as transmissões das partidas e levantamento de dados sobre os desempenhos das equipes. Coelho afirmou que ainda se estuda a viabilização da transmissão e gravação dos jogos, mas que isso não é uma obrigação das equipes no momento. Entretanto, a Federação Mineira quer implementar a pesquisa estatística dos times. A Wise Sports Management ficará encarregadas de realizar o trabalho de scout do torneio.

— Estamos avaliando a viabilidade para que todas as equipes tenham as gravações com o mesmo padrão de qualidade. Isso é fundamental para a análise das partidas e o levantamento estatístico, que faz o esporte crescer. O futebol americano é extremamente tático e estratégico. Então, é preciso ter mecanismos para avaliar as jogadas em detalhes. Isso é importante tanto para que o público possa acompanhar os jogos quanto para que as equipes tenham material para fazer análises técnicas — explicou Coelho.

Assista a apresentação na íntegra

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment