Grupo Sul da Superliga Nordeste tem batalha pela liderança e permanência na elite

Na reta final da temporada regular da Superliga Nordeste, os times do Grupo Sul se enfrentam neste final de semana. Na cidade de Itabaiana, em Sergipe, o Sergipe Bravos recebe o Vitória, no domingo (11), em partida que vale a permanência na elite da fase nordestina. Já em Recife, no Estádio dos Aflitos, tem jogo entre dois times já classificados para os playoffs; Recife Mariners e João Pessoa Espectros se enfrentam na segunda (12), durante o feriado de Nossa Senhora Aparecida.

Confira a tabela de classificação da Superliga Nacional

Veja o calendário de jogos da Superliga Nacional

A luta pela permanência na elite

Vitória (1-4) e Bravos (0-5), já não tem mais chances de classificação à terceira fase e brigam para não ficarem na lanterna da tabela. A vitória do time baiano garante a permanência da equipe com a terceira posição do Grupo Sul. Caso os sergipanos saiam ganhadores, os Bravos ficariam na elite nordestina vencendo pelos critérios de desempate – neste caso, a força de tabela.

A briga pela liderança

No Recife, os times brigam pelo primeiro lugar do grupo. Os Mariners (5-0) tentarão repetir o feito no jogo de estreia, na Paraíba, e vencer os Espectros (4-1) para manter-se no primeiro lugar. Os pessoenses, por sua vez, mantêm a esperança de sair em primeiro lugar no grupo e assim garantir o mando de campo nas semifinais. Para isso acontecer, os Espectros precisam vencer os Mariners e torcer por dois outros resultados: vitória do América Bulls (2-3) contra o Ceará Caçadores (4-1) e do Recife Pirates (2-3) contra o Ufersa Petroleiros (2-3), pois assim igualaria a força de tabela dos dois times.

Pelo regulamento da Superliga Nordeste, a força de tabela de um time é a soma das vitórias dos seus adversários e é o segundo critério de desempate, depois do confronto direto. Caso os três resultados se confirmem, Espectros e Mariners ficarão empatados em todos os critérios e a decisão do primeiro lugar do grupo se dará por sorteio.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment