Itajaí Dockers vira contra Cruzeiro Lions e chega a sua primeira final na história

Defesa do Itajaí Dockers chega a final como a unidade menos vazada da competição. Foto Lafaiete Junior

Pela semifinal da Copa Sul, o Itajaí Dockers manteve a invencibilidade contra o Cruzeiro Lions em 2018. Na tarde de sábado (17), os catarinenses derrotaram os gaúchos de virada pelo placar de 22 a 13. O evento foi disputado no gramado da Pista de Atletismo, em Itajaí. O resultado coloca os Dockers em sua primeira final na história.

Saiba como estão os playoffs da Copa Sul

Os Lions estavam dispostos a dar o troco sofrido na temporada regular, quando perderam pelo socre de 25 a 23. A defesa de Porto Alegre tratou de forçar um turnover logo na primeira campanha, com uma interceptação do cornerback #25 Douglas Vencato contra o quarterback #8 Igor Clemes. O ataque liderado pelo signal caller #9 Adriano Souza Jr. atravessou o relvado para ficar a ½yd da goal line. O running back #13 Renan Freitas finalizou com uma corrida para touchdown. O placekicker #1 Manoel Soares Neto completou com o PAT.

A reposta dos Dockers foi imediata. O time recuperou um fumble perto da redzone dos Lions. O drive foi capitalizado em uma bubble screen pass de Clemes para o wideout #80 Rodrigo Leonardo de 10yd para touchdown. Clemes virou o score com a conversão de dois pontos em um roll out pela direita.

Os catarinenses voltaram a visitar a endzone dos gaúchos, quando o halfback #28 Luan Santos protagonizou um lance polêmico. O ball carrier percorreu cerca de 30yd até – possivelmente – cruzar o plano de gol. Os Lions reclamaram de um fumble forçado por Vencato na linha de 1yd, a bola saiu pela endzone, o que caracterizaria marcação de touchback. Os árbitros entenderam que o fumble ocorreu após a bola cruzar a goal line. Clemes ampliou a vantagem com a conversão de dois pontos.

A seis segundos do fim do primeiro tempo, Santos deixou a defesa dos Lions honesta em uma swing route de 3yd para touchdown em check down de Clemes. Desta vez, o special team da casa desperdiçou o try. 22-7

Na volta do intervalo, os Lions tentaram equilibrar o confronto. Tanto que a defesa de Porto Alegre deixou de sofrer pontos.

Com o andamento do último quarto, a secundária do Rio Grande do Sul voltou a interceptar Clemes. No drive iniciado na linha de meio campo (45yd), os Lions contaram com faltas em sequência dos Dockers para entrar na redzone. Entretanto, o drive não foi capitalizado. Mesmo assim, a moral dos felinos não diminuiu. O time voltou a anotar pontos com um touchdown no passe do backup quarterback #18 Nicolas do Canto para o wideout #7 Daniel Nietiedt. A conversão de dois pontos foi falhada.

Com a posse de volta em mãos, Clemes tratou de gastar o relógio para garantir o triunfo em seus domínios. Final 22-13.

— Nossa defesa fez um bom trabalho, o ataque deles, jogam com muitos fakes de corridas e conseguimos conter bem, tanto o interior quanto exterior. Nosso ataque entrou com a proposta de explorar as brechas que eles nos dessem e conseguimos de certa forma. O jogo corrido já era esperado, mas, eu pensei que fôssemos conseguir completar mais passes. Não conseguimos entrar no jogo de passe, eles jogam em man e sabíamos disso, preparamos algumas jogadas em cima disso, mas, no decorrer do jogo, não saiu como o esperado. Porém, nossos bloqueios estavam em dia, em conseguimos cumprir nosso papel — comentou Clemes pós-jogo.

O resultado coloca o Itajaí Dockers em sua primeira decisão. O derradeiro compromisso da temporada 2018 será contra o Canoas Bulls. A data e a sede da final ainda serão definidas pela Federação Catarinense de Futebol Americano (FCFA).

— Sobre os Bulls, sinceramente não assisti a nenhum vídeo deles, e vamos começar o plano de jogo essa semana. Não conheço o time deles, mas, serão respeitados como deve ser e estaremos prontos para fazer o nosso trabalho — finalizou o signal caller.

Por outro lado, o Cruzeiro Lions é eliminado da competição regional e focará suas atenções na disputa do campeonato gaúcho de 2019, quando une forças com a Armada Futebol Americano para formar o Armada Lions Futebol Americano.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment