Natal Scorpions conquista a Conferência Nordeste da Liga Nacional e volta a elite brasileira

Natal Scorpions conquista o primeiro título de sua história invicto. Foto Pedro Vitorino

O último classificado a temporada 2018 do Brasil Futebol Americano (BFA) está definido. Pela decisão da Conferência Nordeste da Liga Nacional, o Natal Scorpions bateu o Maceió Marechais em uma batalha renhida, no último domingo (17), no campo do Sesi Clube, em Natal. O triunfo dos potiguares coloca a equipe de volta a elite brasileira, algo que não ocorre deste a temporada de 2013, quando os escorpiões jogaram o antigo Campeonato Brasileiro da CBFA.

Saiba como foi a temporada 2017 da Liga Nacional



O confronto épico iniciou eletrizante. Os Marechais abriram a contagem com um touchdown anotado pelo wide receiver #7 João Victor, em passe do signal caller #17 Rodolfo Cezarino. O placekicker #51 Renato Lobo conferiu o PAT. A resposta dos Scorpions foi imediata. O quarterabck #6 Mariota conectou o running back e wide receiver #34 Pedro Dantas para TD. O kicker #17 Raphael Prefeito empatou com o acerto do extra point.

A primeira virada ocorreu no segundo quarto, quando o defensor #27 Jony interceptou Cezarino e retornou para pick six. Prefeito ampliou com o arremate entre os postes. Os alagoanos buscaram descontar com a dupla Cezarino-Victor em novo touchdown. Desta vez, o special team de Maceió desperdiçou o try. Antes do término do primeiro tempo, Prefeito acertou um field goal para aumentar a vantagem. 17-13.

Após o halftime break, o elenco dos Marechais proporcionou a segunda virada no duelo com o hat-trick de Cezarino para Victor. O próprio Victor capitalizou o 2pts conversion.

As emoções adentraram no derradeiro período, os Scorpions tomaram de volta a liderança no placar para não mais perde-la. O quarteabck #12 Torres encontrou um gap na defesa de Maceió e anotou o touchdown. O try foi sem sucesso. Na sequência, Torres distribuiu para o wide receiver #5 Marques para TD. Novamente o XP foi ruim. Os Marechais estavam dispostos a não sofrer a segunda derrota na final do Nordeste. O running back #27 George visitou a endzone e ameaçou os mandantes. O ST errou o try. Porém, o golpe de misericórdia chegou com o touchdown de Torres, que garantiu a vitória em casa e o direito de jogar o BFA em 2018. Final 35-27.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.