Office da Liga Nacional confirma desistência do programa Criciúma Miners da temporada 2018

Criciúma Miners entra no grupo de equipes que desistem no meio da competição. Foto Miners/Divulgação

A bruxa anda a solta na temporada 2018 da Liga Nacional. Na noite desta terça-feira (4), o office do certame brasileiro anunciou a saída oficial do programa de futebol americano Criciúma Miners da fase regular. O motivo da desistência dos catarinenses passa pelo lado financeiro e de recursos humanos. A equipe se junta a triste lista que já conta com Curitiba Lions, Operário Gravediggers e Uberaba Zebus.

Saiba como está a classificação da Liga Nacional

Leia abaixo o ofício número 019/2018 assinado pelo CEO Gilberto Vitoriano.

“Prezados, o Office da Liga Nacional, através do seu Diretor-Executivo, vem a público informar que no último dia 22 de agosto de 2018, a equipe do Miners Futebol Americano formalizou sua desistência em participar edição 2018 da LNFA.

Dado o informar com a competição em andamento e visando trazer o mínimo de prejuízo às demais equipes do grupo, ficou determinado que os 4 (quatro) jogos que a equipe possuía em seu calendário, os seus adversários serão decretados vencedores pelo placar de 49 x 00, vitória por W.O.

A penalidade pela desistência está prevista no Regulamento 2017, que tinha vigência até o lançamento do novo certame e dada a data do aceite do mesmo, ser anterior ao novo Regulamento 2018, será aplicada a pena anterior, definida da seguinte forma: multa administrativa de R$ 3.000,00 (três mil reais), não participação na LNFA 2018 e perda da vaga na LNFA 2019.

Conforme alinhamento de Agosto/2017 entre os dois campeonatos de âmbito nacional (BFA, LNFA) e Confederação Brasileira de Futebol Americano, a exclusão das equipes da LNFA 2018 acarreta também a suspensão da participação na BFA e LNFA e qualquer outra competição regida ou chancelada pela CBFA, nas temporadas 2018 e 2019.

Vale o reforço que caso a equipe não pague o débito, ainda que o prazo da suspensão tenha se encerrado, só poderá pleitear vaga após a quitação do débito.

O segundo ponto de destaque é que outras 15 equipes desistiram da competição antes do seu anúncio ou após o início da mesma estão cientes de multa e suspensão, caso as mesmas tenham dúvidas, sabem como nos procurar. A regra é a mesma para todos e ninguém terá dívida anistiada!”

O que muda na classificação?

Com a desistência dos Miners, a classificação do Grupo 7, Divisão Sul da Conferência Nacional seguirá a mesma na parte de cima, com o Porto Alegre Gorillas (3-0) na liderança e a Armada Futebol Americano (2-1) na segunda colocação.

O único porém fica no resultado decretado entre Miners e Curitiba Lions. Como os Lions já havia desistido antes mesmo do início da etapa regular, foi aplicado o placar de 49 a 0 a favor dos catarinenses por walkover. O Futebol Americano Brasil entrou em contato com Vitoriano para apurar este quesito, uma vez que uma campanha 0-4 dos Miners seria impossível, dado ao primeiro W.O., sem contar que a força de tabela de Gorillas e Armada seriam prejudicadas nos seeds para os playoffs. De acordo com o dirigente, isso será avaliado brevemente.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

COMMENTS

  • Banzé Baruel

    É como já disse antes. Atualmente não se pode ter 32 times de futebol americano ativos. Nem todos em estrutura. 20 times é o ideal, neste momento.

Leave a Comment