Outback Team Australia bate Coreia do Sul e fica com o quinto lugar na IFAF World Championship

O QB #3 Stegman foi um dos destaques da seleção australiana no Mundial. Foto Joe Frollo/USA Football

No último sábado (18), o Outback Team Australia venceu a Coreia do Sul – novamente – na disputa do quinto lugar na IFAF World Championship. Os aussies venceram o duelo por 42 a 14. O confronto ocorreu no Tom Benson Hall of Fame Stadium, em Canton/Ohio, nos Estados Unidos.

Diferente do primeiro encontro quando a Austrália conquistou um amplo 47 a 6, desta vez, o quarterback Jared Stegman teve dificuldades para encaixar o time até o meio do último quarto, quando os australianos venciam por 27 a 14. Neste confronto, o elenco da Oceania queria mostrar ao mundo o lugar que eles pertenciam, já que nas participações anteriores – 1999 e 2011 – o time tinha vencido somente uma vez.

— Nós queríamos vencer porque não desistimos, nós lutamos até o apito no final de cada jogada — contou Stegman.

Em um primeiro quarto com o ataque terreste entrosado, N. Lansdell e C. Foley abriram 14-0 em dois touchdowns corridos. O kicker E. Kocwa acertou os dois PATs. No final do segundo quarto, C. Young interceptou um passe de Hoon Kim e retornou para pick six. Em um erro do long snaper, o defesive back Daminen Molloy não conseguiu ultrapassar a goal line para marcar o two points conversion. Com menos de um minuto para o fim do primeiro tempo, Hoon Kim conetou o wide receiver Hong Kim em um passe de 39yd para touchdown para descontar a favor dos sul-coreanos. O kicker Jae Lee mandou a bola entre os postes. 20-7.

Na volta do intervalo, D. Strickland recebeu um lançamento de Stegman de 37yd para touchdown para ampliar a vantagem dos aussies. Kocwa acertou o extra point. 27-7.

Na entrada do quarto quarto, Sung Park costurou a defesa do Outback para descontar mais uma vez para a Coreia do Sul em uma corrida de 11yd, para colocar fogo no duelo. Porém, a poucos segundos do two minute warning, Stegman correu para o seu segungo TD na partida, em uma corrida de 7yd, na campanha seguinte, o running back J. Marton driblou os adversários para chegar a endzone e decretar a vitória para os representantes da Oceania, o jogador percorreu 22yd para anotar os pontos. Kowca e Molloy conquistaram o xp e o try. Final 42-14.

— Esta competição nos permitiu não somente uma experiência física, mas como se joga futebol americano for a da Coreia do Sul. Desde a nossa chegada até a nossa partida será um processo de aprendizagem — disse o head coach sul-coreano Sun II Beak.