Payback day: Restinga Redskulls devolve derrota sofrida na fase regular e avança nos playoffs

Redskulls empatam o duelo contra os Pumpkins em jogos oficiais: 1-1. Foto Evandro Jara

Neste domingo (22) nublado na região metropolitana de Porto Alegre, o Porto Alegre Pumpkins encarou o Restinga Redskulls pelo wildcard do campeonato gaúcho. O confronto ocorreu no gramado do Grêmio Nacional, em São Leopoldo – casa do São Leopoldo Mustangs. Os caveiras bateram o rival citadino por 30 a 26 – pela primeira vez na história – e ficaram com a última vaga da semifinal. Na próxima etapa, os Redskulls voltam a enfrentar o algoz da primeira partida, o Juventude, em Caxias do Sul.

Confira os playoffs do campeonato gaúcho

Apesar de jogar em campo neutro, os Pumpkins foram os mandantes da partida. O elenco laranja abriu o placar com um touchdown marcado pelo wide receiver #87 Pedro Boni, em uma 4th para seis, o quarterback #7 Antonio Freire passou para o jogador que conquistou 16yd para chegar a endzone. O special team perdeu a chance de ampliar. Antes de terminar o primeiro quarto, o quarterback #7 Rafael Rodrigues conectou o wide receiver #81 Luguini Santos para TD em um passe de 25yd. O kicker #91 Alessandro Ferreira completou o PAT para virar o confronto.

No segundo quarto, os Redskulls aumentaram a diferença com um touchdown de um lançamento de Rodrigues para o fullback #30 Everton Hoffman. Ale teve o chute bloqueado, mas o time da Restinga ainda conseguiu recuperar a posse e anotar o try. Antes do final do primeiro tempo, o running back #16 Jardel Telles encontrou um gap na defesa adversária para descontar com um TD. A conversão de dois pontos terminou sem sucesso. A segundos do fim, os Redskulls ainda tentaram marcar um field goal, mas que foi chutado para fora. 12-15.

Após o intervalo, os Pumpkins tomaram a liderança em seu terceiro touchdown, numa conexão de Freire para o wide receiver #12 Jonathan Furquim. O kicker acertou o chute de bonificação. Na sequência, Freire distribuiu para o wideout #15 Thuan Lemos para TD. Novamente o extra point foi bom.

No derradeiro período, o running back #34 Pedro Gabriel “Coturno” diminuiu a vantagem com um touchdown, o próprio jogador converteu o try. Inspirado, Rodrigues lidera os visitantes até a redzone, o QB aproveita faltas pessoais da defesa dos Pumpkins para ficar a poucos metros da goal line, o quarterback passa para o tight end #49 Jhonathan “Mau Mau” Penha a virar o confronto. Ale manda a bola entre as traves. Com pouco tempo no relógio, os Pumpkins partem para o tudo ou nada. E o nada acontece. Final 26-30.

— Jogo difícil, como todos os jogos de semifinal, vamos estudar bastante o Juventude para que a gente possa chegar no Gigante Bowl — contou Luguini sobre a expectativa do jogo contra os caxienses.

O resultado garante a ida do Restinga Redskulls a sua primeira semifinal da história. Os comandados do head coach Paulo de Tarso enfrentarão o atual campeão estadual, o Juventude, no dia 5 de junho, em Caxias do Sul.

Aos Pumpkins, resta ao treinador americano William McArthur preparar a equipe a disputa da Liga Nacional no segundo semestre.