Rondonópolis Hawks encerra invencibilidade de três anos do Cuiabá Arsenal

Rondonópolis Hawks segue na busca pela vaga aos playoffs. Foto Junior Martins/Arsenal

No último sábado (13), um novo capítulo foi escrito no futebol americano jogado no Mato Grosso. Pela semana 3 do certame local, o Rondonópolis Hawks conquistou a façanha de acabar com a invencibilidade do Cuiabá Arsenal – que já durava há três anos e dez partidas – ao vencer pelo placar de 21 a 17, no Estádio Municipal Aquino Monteiro da Silva, em Acorizal.

Confira a classificação do campeonato mato-grossense



— Só perdi três jogos em um pouco mais dois anos como técnico do Arsenal. Foram duas semifinais de campeonato brasileiro [2015 e 2016] e essa para os Hawks pelo estadual. Nosso time não está acostumado a perder. Mas é bom sentir o gosto da derrota já no início da temporada. Os jogadores estão tristes, mas a derrota poderá ser usada para uma mudança positiva de comportamento. Precisamos de mais treinos e de mais sacrifícios — analisou o head coach americano do Arsenal, Kenneth Joshen.

— A vitória veio para provar para os Hawks que um time que joga junto, com raça e acredita no potencial dos seus jogadores sempre vai ter a possibilidade de sair vitorioso. Fizemos um jogo com pouquíssimos erros, apenas 23 atletas jogando e dando o máximo de si dentro de campo, e essa entrega foi recompensada. A vitória com certeza serviu de combustível para esquecer a derrota sofrida na primeira rodada e dar uma vida nova para os Hawks no estadual — comentou o presidente e quarterback dos Hawks, Matheus Barozzi.

Como foi a partida

1º Quarter – O Hawks abriu o placar com touchdown de passe do quarterback Matheus Barozzi para o recebedor Jean Xavier. Mais ponto extra bem-sucedido do kicker José Vitor Reis (7×0). Na sequência, o Arsenal marca touchdown de passe do quarterback Vinícius Bozzo para o recebedor Jefferson Schroeder. Mais ponto extra do kicker Caio de Souza (7×7). Barozzi pontua com passe para Yclen Eduardo. Mas Hawks tem ponto extra bloqueado por Hanay Gonçalo (13×7).

2º Quarter – O tempo é marcado por trocas de posse de bola sem pontuar. O quarterback do Arsenal, Vinícius Bozzo é interceptado pelo cornerback do Hawks, Washington Cruz e perde a posse da bola. Depois o ataque do Hawks é parado pela defesa adversária e a posse da bola retorna para o Arsenal. E o quarterback dos donos da casa, Vinícius Bozzo registra touchdown com passe para Jefferson Schroeder. Mais ponto extra dos pés de Caio de Souza (13×14).

3º Quarter – O Rondonópolis Hawks avançou com corridas laterais, chega perto da zona de pontuação rival e marca touchdown com passe do quarterback Matheus Barozzi para o recebedor José Vitor Reis. E no ponto extra decidem apostar na conversão de dois pontos e dá certo. Marcam um mini touchdown de passe do Barozzi para o recebedor Jean Carlos Xavier, o popular “Jacaré”, que comemora encenando com os braços uma mordida de jacaré (21×14).

4º Quarter – O Cuiabá Arsenal chega na red zone (zona de perigo) do oponente, à oito jardas da zona de pontos, mas sofre fumble numa jogada de corrida e perde a posse da bola. O Hawks vai para o ataque, mas é barrado pela defesa oponente e perde a posse da bola. O ataque do Arsenal vai para cima, fica à cinco jardas da zona de pontuação, mas opta por marca com um field goal (21×17). O jogo segue por mais alguns drives, mas o placar se mantém o mesmo.

O próximo confronto do Rondonópolis Hawks será no dia 27 maio, diante do Sinop Coyotes fora de casa. Já o Cuiabá Arsenal tentará a reabilitação contra o Sorriso Hornets, também no dia 27, em Sorriso.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.