Santa Cruz Chacais aplica blowout no Porto Alegre Bulls e ainda sonha com os playoffs

Santa Cruz Chacais aproveitou o jogo aéreo para faturar a vitória. Foto Camila Athanásio/Chacais

O duelo já é um clássico, mas o encontro deste último domingo (20) foi inédito em um novo certame. Pela semana 3 da Copa Sul, o Santa Cruz Chacais recebeu a visita do Porto Alegre Bulls, no estádio dos Plátanos, em Santa Cruz do Sul. Os allez bleu batram com facilidade os touros vermelhos pelo placar de 50 a 13.

Confira a classificação da Copa Sul



Os Chacais mostraram a sua superioridade técnica logo no início do embate, quando o quarterback #1 Diego Goulart conectou o tight end #11 Julian Gonçalves para touchdown. O special team da casa desperdiçou o try. No drive seguinte, a matilha visitou a redzone, porém, a defesa de Porto Alegre impediu um field goal de 23yd do kicker #18 Anderson “Salgadinho” Soares. Com problemas para executar o playbook, os Bulls tiveram um erro de punt que colocou o time de Santa Cruz do Sul na linha de 5yd do campo de ataque. Os comandados dos coaches Ismael Ferreira e Jeancarlo Weschenfelder falharam em ampliar a vantagem.

No começo do segundo quarto, o defensor #24 Vitor Kipper interceptou o backup quarterback #12 Thiago Larrossa e posicionou os Chacais mais uma vez na redzone. Na oportunidade, a dupla Goulart-Gonçalves capitalizou para o seu segundo TD na partida. Soares acertou o PAT. Os problemas seguiram no pocket de Larrossa, tanto que o QB vermelho sofreu sua segunda interceptação, com o defensor #21 Matheus Ritzel. Goulart distribuiu um passe de 25yd para o wide receiver #88 Maurício Dreher para touchdown. Soares conferiu o seu segundo extra point. Para piorar ainda mais, Larrossa viu a sua terceira interceptação – a segunda de Ritzel. Com a posse retomada, Goulart-Dreher visitaram a endzone. Soares mais uma vez mandou a pelota no meio do “Y”.

Os Bulls reagiram rápido. Em uma big play, o quarterback #10 João Torres encontrou o wide receiver #9 Luiz “Bombeiro” para touchdown. O ST porto-alegrense teve o XP bloqueado pela defesa da casa. Porém, a resposta dos mandantes foi imediata. Soares acertou um field goal de 48yd. E antes do término do primeiro tempo, um bad snap na execução de um punt virou turnove a favor dos Chacais. Com a oval posicionada na linha de 11yd, o running back #27 Weslei Oliveira encontrou um gap na defesa rival para ultrapassar a goal line. Soares acertou o chute de bonificação. Ainda deu tempo para o kick returner #80 Douglas Torres atravessar o campo para marcar o segundo TD dos Bulls. O kicker  #54 Alexandre Comba acertou o extra point. 30-13.

Na volta do intervalo, a defesa dos Chacais seguiu com a pressão na linha ofensiva dos Bulls. A ação surtiu mais uma vez efeito, quando Ritzel recuperou um fumble na linha de 6yd do território de ataque dos mandantes. Goulart lançou as jardas restantes para o wide receiver #83 Cássio Treib para touchdown. Soares conferiu o point after touchdown. Com Ritzel endiabrado, Torres presenciou mais uma vez o seu pesadelo: nova interceptação e bola na linha de 33yd da defesa dos Bulls. Entretanto, o turnover não foi capitalizado em pontos. Só que na campanha seguinte, Goulart conectou o wide receiver #81 Nathaniel “Moss” Regmont num passe de 30yd para touchdown. Soares não desperdiçou o chute de bonificação.

Durante o último quarto, com a mercy rule já aplicada pela equipe de arbitragem, Oliveira fechou a conta com o derradeiro touchdown. O try foi perdido. Final 50-13.

O triunfo coloca o santa Cruz Chacais na terceira posição da Conferência Rio Grande do Sul com campanha 1-1. O último compromisso na temporada regular será no dia 10 de setembro, quando o time viaja a Ijuí para encarar o líder da chave Ijuí Drones (2-0).

Já o Porto Alegre Bulls amarga a lanterna com 0-2. O último jogo será no dia 9 de setembro quando enfrenta o arquirrival Porto Alegre Pumpkins, em Porto Alegre.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.