Santa Maria Soldiers reforça defesa com dois ex-jogadores do Santa Cruz Chacais

Oliveira e Rusch são os novos nomes na defesa do Santa Maria Soldiers. Foto Arquivo pessoal

O fluxo pela rodovia BR-287 entre Santa Cruz do Sul e Santa Maria está intenso nos últimos dias. O pacote de reforços para a defesa do Santa Maria Soldiers não param. A direção concluiu o acordo com o free safety Jürgan Rusch e o linebacker Guilherme Oliveira para a disputa do campeonato gaúcho e Brasil Futebol Americano (BFA) de 2018.

Confira o calendário do campeonato gaúcho



Rusch tem 20 anos, 1.78m e 77kg. O jogador disputou as duas últimas edições do campeonato gaúcho pelo Santa Cruz Chacais. O arranque na carreira começou ainda no ingresso do roster U20.

— Conheci o esporte quando um colega de aula apresentou um trabalho sobre o futebol americano. Tive curiosidade e participei da seletiva que foi feita em seguida, onde fui aprovado para o sub-20. Fiz uns treinos e me chamaram para o grupo principal, onde estreei contra o Venâncio Aires Bulldogs — disse.

Conhecido pela sua explosão na velocidade, o atleta tem registrado a marca de 4.82 segundos no drill de 40yd dash. No certame estadual do ano passado, Rusch foi um dos safeties que menos cedeu jardas em jogo aéreo em sua zona de cobertura.

Entre os linebackers, após a saída de Ricardo Daronch para o Porto Alegre Gorillas, abriu-se uma vaga no setor. Oliveira terá a missão de preencher o espaço deixado pelo ídolo local. O jogador tem 23 anos, 1.78m e 85kg. Oliveira ressalta a importância de atuar ao lado de jogadores de ponta no cenário brasileiro, como o polivalente Vinícius Zanon.

— O que me deixa mais motivado é que terei contato com pessoas bem experientes, como o Zanon, por exemplo, que tem defendido as cores da seleção também. Acredito que isso pode me ajudar a ser um atleta melhor — comentou.

Para o coordenador de special teams, Maurício Faé, a chegada dos jogadores de Santa Cruz do Sul agregará na composição do roster, além de poderem ser aproveitados na unidade de especialistas.

— O Guilherme e o Jürgan são dois atletas que apresentam um bom potencial físico. Podem nos dar mais possibilidades como defesa e agregar qualidade ao time de especialistas, além disso, são jogadores que querem evoluir e buscam competir em alto nível, ideia que fecha com o pensamento dos Soldiers para 2018 — explicou.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.