Braga Warriors derrota Paredes Lumberjacks pela Batalha do Norte no Torneio Fundadores

Braga Warriors manteve a invencibilidade diante do Paredes Lumberjacks. Foto Warriors/Divulgação

O dia de temporal parecia querer estragar a festa, mas o Braga Warriors apresentou uma equipa decidida a derrotar o Paredes Lumberjacks. O roster bracarense deu mesmo razão para festejar aos fiéis adeptos que marcaram presença no Campo da Caseta, em Braga, pelo encerramento da primeira fase do Torneio Fundadores, neste último domingo (25).

Saiba como estão os playoffs do Torneio Fundadores

A chuva e o vento fizeram-se sentir, limitaram a criatividade atacante de ambas as equipas, provocaram uma batalha física no jogo de corrida e os Warriors mostraram ser a melhor unidade durante a partida.

No ataque, o running back Miguel Oliveira e o quarterback Tiago Ranhada pareceram quase imparáveis com várias corridas superiores a 10 jardas que moveram consistentemente as chains, e converteram de forma consistente os terceiros e quartos downs terminando o jogo com, respetivamente, um e três touchdowns.

Do lado defensivo foi a linha que marcou a cadência, encabeçada pela penetração dos defensive tackles João Silva e Leandro Lima, que travou o ataque de corrida de Paredes, e permitiu à restante defesa dos Warriors jogar com velocidade e segurança.

— As condições climatéricas obrigaram-nos a adaptar alguns aspetos do nosso jogo — disse head coach dos Warriors, João Pitrez.

De fato a insistência de ambas as partes no jogo de corrida manteve o relógio em movimento e encurtou a partida, fator que beneficiou os Warriors que marcaram nas duas primeiras posses de bola e assim conseguiram manter o controle do embate.

Ao intervalo os Warriors venciam por 15 a 0 e iriam marcar no drive de abertura da segunda parte colocando o resultado em 22 a 0, nada parecia parar a equipa bracarense.

Os Lumberjacks ainda arquitetaram um longo drive que lhes permitiu, por intermédio do running back Miguel Dias, reduzir o marcador para 22 a 6 à entrada para o último quarto, mas a resposta dos Warriors foi imediata e, já com o signal caller suplente Filipe Pitrez em campo correram a bola de forma confiante e com mais um touchdown deram a estocada final na partida, 28 a 6 para a equipa da casa.

Num jogo recheado por rookies e com condições climatéricas adversas, realça-se o fato de não ter existido um único turnover.

— Foi um jogo disputado, entre duas equipas que se conhecem bem, no final fomos justos vencedores — concluiu Pitrez.

Com esta vitória o Braga Warriors junta-se ao Lisboa Devils, Cascais Crusaders e Porto Mutts na fase de semifinais da primeira edição do Torneio Fundadores.

No dia 8 de dezembro, pelas 18h30, a equipa desloca-se a Cascais para defrontar os Cascais Crusaders e lutar por um lugar na final do dia 23 de dezembro, cuja localização, já anunciada pela Associação Portuguesa de Futebol Americano (APFA), será Braga. Enquanto o Paredes Lumberjacks receberá o Towers Football, pelo jogo de consolação.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment