October 17, 2021
Os troyanos vencem por duas vezes os Spartans para ficar com a vaga nos playoffs. Imagem Lufa/Reprodução/Futebol Americano Brasil

Troyanos dominam Spartans e ficam com a última vaga no wildcard da Liga Uruguaya

Tempo aproximado de leitura:2 minutos, 36 segundos

Os Troyanos vencem por duas vezes os Spartans para ficar com a vaga nos playoffs. Imagem Lufa/Reprodução/Futebol Americano Brasil

No duelo que valia a última vaga aos playoffs da Liga Uruguaya de Football Americano (Lufa), os atuais vice-campeões nacionais Troyanos venceram os Spartans pelo shutout de 24 a 0. O encontro foi disputado no sábado (9), no gramado do Campo Champagnat, em Colonia Nicolich, pela semana 6, a derradeira da temporada regular.

Confira a classificação da Liga Uruguaya

Os Troyanos não queriam deixar margens para que os Spartans surpreendessem mais uma vez na competição. Mesmo com as duas equipes em elecno reduzido, a Cavalaria tratou de mostrar superioridade técnica ainda no primeiro quarto, quando o signal caller #83 Juan Frechou encontrou o tight end #45 Camilo Ottonello em double move para 11yd e touchdown. A conversão de dois pontos terminou falhada.

No segundo quarto, Frechou posicionou a unidade de ataque na linha de 28yd do relvado adversário. Quando o quarterback percebeu o colapso do pocket, saiu em scramble pela direita e passou em profundidade para o flanker #25 Ander Barreiro, que quebrou um tackle antes de adentrar na endzone. O placekicker inglês #50 Sam Neville desperdiçou o PAT.

Os espartanos partiram para o all-in. A equipe tentou responder rapidamente. Dependente das investidas do halfback americano #40 Jermaine Cox, o time chegou a ameaçar a meta rival, porém, em um passe incompleto do quarterback #7 Rodrigo Sabella, a campanha encerrou em turnover on downs. 12-0.

Na volta do intervalo, os Troyanos mapliaram a vantagem em três posses de bola, quando Frechou lançou uma big play de 33yd para Neville, em post route. Novamente o 2pts conversion não foi capitalizado. Pouco tempo depois, o elenco alvigrená visitou a redzone dos Spartans. Bastou a Frechou sacramentar o triunfo em um QB sneak para touchdown. E pela quarta vez o try foi perdido.

Sem poder de reação e ainda precisando tirar uma vantagem de 31 pontos para almejar a vaga na segunda fase, os Spartans pouco produziram para sequer causar dano ao adversário. Final 24-0.

— Na preparação para o jogo com os Spartans sabíamos que seria um jogo difícil, mas também muito importante e definiríamos se seguiríamos para os playoffs ou se a nossa jornada terminaria aqui. Foi um jogo físico e a nossa defesa estava em boa forma, permitindo que não fossem marcados pontos. Nosso ataque saiu forte e colocou em jogo muitas coisas que haviam sido praticadas e que se mostraram através da realização dos touchdowns. Agora, temos duas semanas para nos preparar para os Barbarians, nas quais estaremos treinando forte e ajustando todos os pontos que vimos jogando contra eles nas duas partidas anteriores. Uma coisa certa é que os Troyanos vão mostrar 150% no campo e, quem sabe, podemos ter alguns truques novos na manga — avaliou Neville.

O resultado deixa os Troyanos na terceira posição com campanha 2-4. No wildcard a equipe pega os Barbarians (3-3). Já os Spartans terminam a participação na última colocação com retrospecto de 1-5.

Assista o jogo entre Troyanos vs Spartans na íntegra

Sobre o autor

Henrique Riffel

Jornalista e editor-chefe do Futebol Americano Brasil. Pós-graduado em Jornalismo Digital pela Famecos/PUCRS. Ex-colaborador do Pro Football e American Football International. Antigo produtor multimídia do Locast Project do MIT/EUA
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias, no Instagram em @futebolamericanobrasil_ e curta-nos no Facebook.

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *